SITE OFICIAL DA CIDADE DE MONTALVÂNIA
WWW.MONTALVANIA.COM.BR


Role para baixo
     

montalvania@montalvania.com.br
(77) 9 9949-4184 / 9 9140-6265
 Política
  20 Setembro de 2017
GUINADA NO PT NORTE-MINEIRO
Gabriel Guimarães desiste da política e abre caminho para Paulo Guedes ir a federal.

O deputado estadual Paulo Guedes (PT) acaba de aplainar a estrada que poderá facilitar seu projeto de chegar à Câmara Federal, aqui em Brasília. Por meio de acordo político que acaba de fechar com o ex-deputado federal Virgílio Guimarães, e seu enteado, o atual deputado federal Gabriel Guimarães, ambos petistas, Guedes deverá disputar uma vaga para a Câmara dos Deputados em 2018 sem o peso de uma disputa no intramuros do petismo.

Deputado federal em segundo mandato, o advogado Gabriel Guimarães (D) deve deixar a política para se dedicar ao escritório de advocacia que mantém em Belo Horizonte. Gabriel, que atua no segmento da advocacia administrativa e tem grandes empresas na sua carteira de clientes, teria chegado à conclusão de que estava na carreira errada. Essa seria a versão oficial para a saída de cena de GG, mas também teria pesado o fato do seu nome ter aparecido em conversas de executivos da JBS gravadas pelo Polícia Federal – numa delas, ele conversa em tom amigável com Aécio Neves, o arquirrival do petismo em Minas.

Gabriel parece seguir estratégia parecida daquela adotada pelo seu pai adotivo, Virgílio Guimarães, que saiu dos holofotes um pouco antes da via crucis que ameaça o PT com a extinção para assistir de camarote a temporadas na prisão de antigos companheiros como José Dirceu, José Genoino, Delúbio Soares, João Paulo Cunha e, por último, Antonio Palloci, o traíra.

Nos termos do acordo político firmado por Paulo Guedes com os Guimarães, o ex-deputado Virgílio vai disputar uma cadeira para a Assembleia Legislativa de Minas Gerais. Dá-se aqui uma curiosa inversão de papéis: foi Virgílio Guimarães o grande responsável por levar Guedes para a cena política estadual, em dobradinha eleitoral em que aparecia como candidato a deputado federal. 

Ficha limpa

O acordo com os petistas Gabriel e Virgílio é o segundo lance de Paulo Guedes na direção de realizar o sonho de fazer o upgrade que pode levá-lo a uma vaga na Câmara dos Deputados. Há cerca de 45 dias, a turma de desembargadores da 8ª Câmara Cível Tribunal de Justiça do Estado de Minas Gerais (TJMG) inocentou o petista da acusação que pesava sobre sua cabeça por ter misturado as esferas pública e o privada com a utilização das instalações da Associação dos Vereadores do Norte de Minas (Avams), no período em que presidiu a entidade, entre os anos de 2001/2004.

Segundo a denúncia do Ministério Público de Minas Gerais, que tramitou por longos 14 anos, o petista teria usado estrutura de sala, computador e telefone da entidade, além de um funcionário contratado, para a diagramação do extinto jornal ‘Vale do Sol’, de sua propriedade. Caso fosse acusado em segunda instância, o deputado entraria para o rol dos condenados pela Lei da Ficha Suja e poderia dar adeus à carreira política.

O novo pacto entre Guedes e Virgílio coloca fim à disputa silenciosa que o deputado mineiro travava com seu aliado Gabriel Guimarães, desde que anunciou sua pretensão em disputar a vaga de federal. Gabriel chegou a exigir, e conseguiu, que o governador Fernando Pimentel trocasse o comando da Secretaria de Desenvolvimento do Norte e Nordeste de Minas (Sedinor).

Com as bênçãos de GG, o ex-prefeito de Serro Epaminondas Miranda, o Nondas (PR), foi para a Sedinor em abril deste ano. Gabriel chegou a se aproximar do também deputado estadual Tadeu Martins Leite, o Tadeuzinho (PMDB), a quem coube indicar Jean Oliveira, o atual secretário-adjunto da autarquia.

Paulo Guedes berrou até onde foi possível e ganhou como compensação a indicação de Gustavo Xavier, um afilhado seu, para a diretoria geral do Instituto de Desenvolvimento do Norte e Nordeste de Minas (Idene).

Se for adiante, contudo, o acordo entre Guedes e Virgílio pode atrapalhar os planos de outros petistas norte-mineiros, que sonhavam em fazer a dobradinha eleitoral com o nome mais notório da sigla no meio-norte de Minas. Um desses nomes é o do petista Ricardo Campos, que perdeu o cargo na Sedinor justamente no contexto da briga política entre Paulo e Gabriel. Ricardo já havia anunciado sua intenção em disputar uma vaga a estadual, mas pode ter que rever seus planos com a entrada em cena do cacique Virgílio Guimarães.

Estão nessa mesma canoa da indecisão o ex-prefeito de Capitão Enéas César Emílio Lopes e a professora Marilene Leninha Souza, revelação petista na última disputa pela Prefeitura de Montes Claros, com pouco mais de 19% dos votos válidos. Fonte: www.luisclaudioguedes.com.br

 Festa
  20 Setembro de 2017
JUVENÍLIA
Prefeitura de Juvenília divulga programação dos 21 anos de emancipação política.

A Prefeitura do Municipal Juvenília, no Norte de Minas Gerais, divulgou na última segunda-feira, 4 de setembro, a programação dos 21 anos de emancipação política. O evento vai acontecer nos dias 22,23 e 24 de setembro, com atrações.

Dia 22: João Vítor e Matheus, Bonde Sertanejo e Fricote

Dia 23: Obsessão do Forró, Paraná e Kuarto de Empregada

Dia 24: Pizero Massa e Barbara Lopes

Fonte: folhadovale.net

 Manga
  19 Setembro de 2017
A PONTE DO SÃO FRANCISCO
Pimentel pode autorizar obras da ponte entre Pintópolis e São Francisco nesta terça-feira.
Expectativa do mundo político no Norte de Minas para o anúncio que o governo estadual deve fazer nesta terça-feira (19) para o lançamento do edital de licitação para a escolha da empresa que vai construir a ponte sobre o Rio São Francisco, na altura da rodovia MG-402, no trecho entre São Francisco e Pintópolis. O governador Fernando Pimentel vai à região amanhã, quando também anuncia mais um desses programas de intenções do governo, desta vez na área da eficiência energética voltado para o semiárido mineiro. 

Pimentel deverá anunciar, durante sua fala, que vai liberar os cerca de R$ 50 milhões orçados para a construção da ponte em São Francisco, que facilita o acesso dos norte-mineiro aqui para Brasília e todo do Centro-Oeste do país. O deputado estadual Paulo Guedes (PT) acompanha o governador na visita a São Francisco e espera dividir os louros do anúncio.

É a proximidade do ano eleitoral, dirão os adversários. E talvez seja mesmo. Mas é fato também que uma decisão quando chega ao estágio da autorização para a realização da obra é quase irreversível em caso de derrota do atual grupo que ocupa o Palácio Tiradentes.

Impulso na economia

O projeto da ponte entre São Francisco e Pintópolis foi elaborado pela empresa Enescil Engenharia, que tem sede em São Paulo. As chamadas “condições construtivas” para a ponte preveem extensão de 900 metros, com 13,8 metros de largura e acessos com 2,1 quilômetros.

A travessia do Velho Chico de Pintópolis a São Francisco ainda é feita por meio de balsas e dura cerca de uma hora, o que incomoda bastante os usuários do sistema. Quando e se sair – no Brasil, lamentavelmente o anúncio de uma obra não é garantia da sua consecução – a ponte vai garantir melhorias na mobilidade da população daquele pedaço dos Gerais e o escoamento de mercadorias, com ganhos na economia regional. Fonte: www.luisclaudioguedes.com.br
 Saúde
  09 Setembro de 2017
CAMPANHA
Campanha para atualizar caderneta de vacinação começará, segunda-feira, em todo o Brasil

A Campanha Nacional de Multivacinação, que tem como objetivo atualizar ou completar a caderneta de vacinação de crianças e adolescente, começará segunda-feira, dia 11, e irá até 22 de setembro em todo o Brasil. O público-alvo inclui crianças menores de 7 anos e crianças e adolescentes de até 15 anos incompletos. 

CRIANÇAS

Para crianças menores de 7 anos a campanha disponibilizará as seguintes vacinas: BCG, hepatite B, pentavalente, poliomielite, Rotavírus, Pneumocócica, Meningocócica C, febre amarela, tríplice viral, hepatite A, tetra viral, varicela e DTP (contra difteria, tétano e coqueluche). 

ADOLESCENTES

Já para crianças a partir de 7 anos e adolescentes menores de 15 anos serão disponibilizadas as vacinas contra hepatite B, febre amarela, tríplice viral, dupla bacteriana, varicela, HPV, meningocócica C e tríplice bacteriana (difteria, tétano e coqueluche).

 Novidade
  09 Setembro de 2017
BOLETO
Boleto vencido, igual ou maior que 2 mil reais, poderá ser pago em banco a partir de segunda-feira.

O consumidor que tiver boletos com valor igual ou maior que R$ 2.000 poderá pagá-los depois da data de vencimento a partir de segunda-feira, em qualquer banco, via internet e celular. A nova norma estabelecida pela Federação Brasileira de Bancos começou a valer em 10 de julho, mas, até então, somente para documentos superiores a R$ 50 mil. 

CRONOGRAMA

A implantação do novo sistema segue um cronograma: a partir de 10 de julho, para boletos acima de R$ 50 mil; 11 de setembro, superior a R$ 2 mil; 13 de novembro, acima de R$ 200; e em 11 de dezembro, todos os boletos.

FRAUDES

A Federação de Bancos acredita que, com a medida, irá reduzir uma série de operações fraudulentas e rastrear o dinheiro, prevenindo crimes de lavagem de dinheiro e corrupção, por exemplo.